Promoção
Deedals
Fique por dentro das novidades, preencha os campos abaixo.
 
Cadastre sua loja para receber novidades dos nossos produtos.
 
iGoodTalk
17/09/2012
ENTREVISTÃO: Deedals, a arte de inovar e criar


ENTREVISTÃO: Deedals, a arte de inovar e criar

Inventar algo novo em um mercado no qual os instrumentos e acessórios são centenários é complicado, mas ainda é possível, como os Deedals. Conheça quem trouxe esses dedais de silicone à vida

A pólvora que criou a inspiração, acredite, foi o sofrimento. Lademir Cremonini, professor universitário, contabilista, especializado em controladoria e direito tributário, era um aluno de violão que, como a maioria, sofreu para adaptar seus dedos às cordas do violão. Mas ele não desistiu.

Primeiro sugeriram a ele que trocasse as cordas de aço pelas de náilon. Decepção: “Fui até uma loja de música, gastei uma nota, troquei as cordas e ficou um som muito diferente”. Depois ele mesmo foi pesquisar se havia um acessório que pudesse ser utilizado para minimizar as dores. Não encontrou, mas criou um. Foram quatro anos de pesquisa que culminaram, no início de 2012, com o lançamento do Deedals.

Nesta entrevista, Lademir conta os detalhes de sua invenção, inspirações, desafios e execução, e ainda destaca algo fundamental, o incentivo à educação musical. Vale a pena ler!

Qual foi o principal desafio para criar os dedais?

Buscar a tecnologia necessária para que o produto ficasse o mais parecido possível com a pele dos dedos, visto que o dedal não pode alterar o som do instrumento nem atrapalhar o momento da execução dos acordes.

Além de sofrer nas aulas, qual foi a inspiração para criar os produtos?

A inspiração maior foi quando sugeriram que eu trocasse as cordas de aço pelas de náilon. Fui até uma loja de música, gastei uma nota, troquei as cordas e ficou um som muito diferente. Na aula seguinte, comentei sobre as dores nos dedos e que seria interessante ter algum acessório para minimizar esse problema. Os demais alunos, bem como a professora de música, concordaram que seria uma ótima solução para ajudar os músicos, principalmente no aprendizado.

Quanto tempo demorou para colocar a ideia em prática e qual foi o caminho percorrido?

A ideia surgiu em 2008, foram praticamente quatro anos pesquisando, observando. Pensei muito em vender a ideia para alguma empresa de renome e que tivesse know-how, mas o apoio das pessoas mais próximas foi fazendo as coisas andarem e quando percebi já estava envolvido com a elaboração do produto. Em 2010 construímos o primeiro protótipo e em seguida contratamos uma ampla pesquisa de mercado, que nos deu o embasamento necessário para a continuação do projeto. Após alguns ajustes nos primeiros protótipos, os esforços foram focados no desenvolvimento da identidade do produto, definindo a marca e determinando o posicionamento de marketing a ser seguido. Com o produto testado, aprovado e com condições de fabricação, buscamos uma parceria de peso para a distribuição e chegamos ao nome da Deval. Com o sócio, sr. Alberto M. Batista Jr., acertamos a parceria, o que nos deu condições de realizar o lançamento nacional do produto em grande estilo. Não posso deixar de registrar que minha esposa, Márcia, é quem administra todos os recursos financeiros e necessidades burocráticas, com os pés no chão e muito controle administrativo.

Para você, o que foi mais surpreendente ao lançar a marca?

Eu estava preparado para receber muitos ‘não’, mas minha surpresa é que recebi muitos ‘sim’, elogios tanto pela ideia como pela qualidade do produto. Esta última deve ser creditada a toda a equipe, principalmente à Nova Multicomunicação, agência de marketing.

Quais serão os próximos produtos da Deedals?

Pretendemos melhorar cada vez mais esse produto para ajudar, principalmente, os iniciantes das áreas de instrumentos de cordas a aprender com mais facilidade a execução da música. Uma coisa importante é que, desde a pesquisa, e atualmente, nas vendas para grandes compradores, fomos e estamos sendo desafiados a criar um Deedals específico para músicos profissionais. E este será o próximo lançamento, o Deedals Style. Será uma grande surpresa e espero que tenha a mesma receptividade dos Deedals basic, teens, fun e girls.

Que dica você dá para inventores de primeira viagem?

Em primeiro lugar, você não deve ter medo de que sua ideia não vai dar certo, até porque, se der errado, você continuará de onde parou, ou seja, não perdeu nada, pelo contrário, sua experiência algum dia será útil. Se tiver a chance de encontrar bons parceiros, aproveite, pois a experiência de empresas e pessoas da área do invento é muito importante para o seu sucesso.
Fonte: http://musicaemercado.com.br/pagina/2504/entrevistao-deedals-a-arte-de-inovar-e-criar
VEJA TAMBÉM
14/03/2015 - Loja em Promoção
19/03/2013 - Lojas Revendedoras da Deedals no Brasil
08/03/2013 - Feliz Dia da Mulher
09/01/2013 - Paula Fernandes tocava até dedos sangrarem MyWay - 2013.01.09 / 15:23 Ouvir
18/12/2012 - AVISO DE FÉRIAS COLETIVAS
18/12/2013 - FELIZ NATAL
COMO COMPRAR | COMO MEDIR | POLÍTICA DE PRIVACIDADE | POLÍTICA DE ENTREGA | FRETES E ENTREGA | GARANTIA | POLÍTICA DE TROCAS E DEVOLUÇÕES
Entre em contato conosco
49 | 3329 7033
deedals@deedals.com.br
Endereço
Rua Heitor Vila Lobos, nº 1033 E
  Bairro Presidente Médici, Chapecó / SC
© - Ideia Good - Soluções para Internet